Um jogador cego de pôquer da Noruega faz a transmissão de seus jogos para seus espectadores

Um jogador cego de pôquer Steven Iglesias

Steven Iglesias perdeu a visão em 2014, mas joga pôquer há cerca de sete anos. Seu amigo Daniel ajuda o norueguês nos torneios de pôquer ao vivo e também nas transmissões.

Daniel é responsável pelas mãos e olhos do jogador de pôquer. Todo o processo de pensamento está em Steven. Em eventos online, o tandem é executado com bastante sucesso: o gráfico do jogador de pôquer é + $18 000 na GGPoker.

Stephen ganhou mais de $83 000 nos torneios ao vivo. A maior conquista na sua carreira de pôquer é o 23º lugar e $25 000 num evento de bracelete WSOP.

Leia também: Um jogador de pôquer adivinhou todas as cartas do tabuleiro com 100% de precisão

Os streams noruegueses ainda não são muito populares no Twitch, no entanto, eles consistentemente atingem cerca de 50 espectadores. Durante as transmissões, Steven toma todas as decisões sozinho, mas Daniel controla o mouse do computador.

Depois disso, a famosa história com Annette Obrestad veio à mente. A garota participou de um torneio para 180 jogadores com buy-in de $4. Ela cobriu as cartas no monitor com um pedaço de papel e jogou às cegas. A ideia era mostrar que considerar a posição e os jogadores é muito importante. Assim, você não precisa olhar para suas cartas para ganhar o pote.

Avaliar o material:
- material excelente
- material ótimo
- material bom
- material ruim
- material horrível